Frentistas de SP vão amanhã (18) para a quarta rodada de negociação com os patrões

Imprimir    A-    A    A+

17/04/2018

 

Reunião poderá definir as próximas ações de resistência da categoria que soma cem mil trabalhadores no Estado de São Paulo. A data-base é 1° de março

“Não aceitaremos que apliquem a Lei da Reforma Trabalhista, conforme tenciona o documento apresentado, que retira ou modifica um total de doze itens da convenção coletiva de acordo com os interesses dos patrões. Sendo assim, a nossa expectativa é de que eles aceitem o nosso pedido de aumento real nos salários com avanço de benefícios, entre outros itens que reforçam a nossa representatividade”, explicou Luiz Arraes, presidente da Fepospetro e do Sinpospetro – Osasco/SP.

Marcada para esta quarta-feira, dia 18 de abril, às 14 horas, no Sincopetro, em Perdizes-SP, a reunião contará com a participação ativa de dirigentes dos dezesseis sindicatos filiados à Fepospetro, que unifica a negociação. Também estarão presentes os presidentes das entidades Resan, Regran e Recap, que em conjunto com o Sincopetro representam os donos dos quase nove mil Postos de Combustíveis do Estado.

Desde que iniciaram as negociações, no dia 28 de fevereiro, restou negada pelos trabalhadores a única proposta apresentada pelos patrões e que previa aumentar em 1,16% os salários e benefícios. Na ocasião, Luiz Arraes criticou o fato de oferta sequer repor perdas salariais decorrentes da inflação acumulada de 2,84% (Fev/2018- IBGE).

Na página da Fepospetro no Facebook, Luiz Arraes vem divulgando vídeos em que dá detalhes das reuniões e também reforça para os trabalhadores a informação que tem origem na luta unida dos frentistas o conjunto de benefícios conquistados até hoje, sendo alguns deles: vale-refeição de R$ 17,50 por dia trabalhado, cesta- básica de 30 quilos ou vale-alimentação de valor equivalente, desconto máximo permitido de somente 1% no vale-transporte ( pela Lei, chega a 6% esse índice), recebimento de 100% de horas extras nos feriados oficiais trabalhados e seguro de vida.

Terão o transporte de ida e volta garantido por seus respectivos sindicatos os trabalhadores que puderem estar presentes na reunião das 14 horas desta quarta-feira (18), no Sincopetro, que fica localizado na rua Atibaia, num. 282 – Perdizes, SP.

Fonte: Leila de Oliveira – Fepospetro