País criou mais empregos para jovens com maior escolaridade no 1º semestre, revela Caged

Imprimir    A-    A    A+

14/09/2018

Dados do Cadastro Geral dos Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho mostram que no 1º semestre deste ano a criação de vagas foi maior para quem tinha até 29 anos. Em relação à formação, mais vagas foram abertas para profissionais com nível médio e superior completo.

Por outro lado, o maior fechamento de vagas se deu nas faixas etárias dos 50 a 64 anos e acima de 65 anos. E atingiu principalmente os trabalhadores com nível fundamental incompleto e completo. Veja nas tabelas abaixo:

  1. Trabalhador da Cultura de Café: 20.635
  2. Trabalhador Volante da Agricultura: 16.806
  3. Servente de Obras: 13.503
  4. Motorista de Caminhão (Rotas Regionais e Internacionais): 9.185
  5. Alimentador de Linha de Produção: 7.784
  6. Auxiliar de Processamento de Fumo: 5.198
  7. Trabalhador Agropecuário em Geral: 4.728
  8. Tratorista Agrícola: 4.390
  9. Faxineiro: 1.924
  10. Operador de Maquinas de Beneficiamento de Produtos Agrícolas: 1.608
  11. Auxiliar nos Serviços de Alimentação: 1.042
  12. Preparador de Calcados: 1.013
  13. Montador de Andaimes (Edificações): 967
  14. Operador de Colheitadeira: 853
  15. Trabalhador do Beneficiamento de Fumo: 820
  16. Auxiliar Geral de Conservação de Vias Permanentes (Exceto Trilhos): 766
  17. Trabalhador de Extração Florestal, em Geral: 760
  18. Trabalhador na Olericultura (Raízes, Bulbos e Tubérculos): 758
  19. Processador de Fumo: 757
  20. Empregado Doméstico nos Serviços Gerais: 738

20 ocupações com maior saldo de vagas para ensino médio completo e incompleto

  1. Alimentador de Linha de Produção: 49.051
  2. Faxineiro: 32.330
  3. Auxiliar de Escritório, em Geral: 24.233
  4. Servente de Obras: 17.836
  5. Motorista de Caminhão (Rotas Regionais e Internacionais): 17.025
  6. Técnico de Enfermagem: 12.819
  7. Recepcionista, em Geral: 11.764
  8. Embalador à Mão: 9.734
  9. Trabalhador Volante da Agricultura: 9.228
  10. Auxiliar nos Serviços de Alimentação: 8.331
  11. Atendente de Lojas e Mercados: 7.690
  12. Tratorista Agrícola: 7.648
  13. Porteiro de Edifícios: 7.466
  14. Trabalhador da Cultura de Café: 5.821
  15. Vigilante: 5.637
  16. Trabalhador de Serviços de Limpeza e Conservação de Áreas Públicas: 5.612
  17. Operador de Telemarketing Ativo e Receptivo: 5.431
  18. Assistente Administrativo: 5.209
  19. Auxiliar de Desenvolvimento Infantil: 5.163
  20. Trabalhador Agropecuário em Geral: 4.986

20 ocupações com maior saldo de vagas para ensino superior completo e incompleto

  1. Auxiliar de Escritório, em Geral: 17.094
  2. Assistente Administrativo: 14.531
  3. Professor de Nível Superior do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série): 7.738
  4. Enfermeiro: 6.129
  5. Professor de Nível Médio no Ensino Fundamental: 6.008
  6. Auxiliar de Desenvolvimento Infantil: 5.438
  7. Professor da Educação de Jovens e Adultos do Ensino Fundamental (1ª à 4ª série): 4.993
  8. Recepcionista, em Geral: 4.807
  9. Professor de Nível Médio na Educação Infantil: 3.663
  10. Professor de Nível Superior na Educação Infantil (4 a 6 anos): 3.639
  11. Auxiliar de Contabilidade: 3.348
  12. Professor de Nível Superior na Educação Infantil (0 a 3 anos): 3.043
  13. Analista de Desenvolvimento de Sistemas: 3.010
  14. Assistente de Vendas: 2.379
  15. Farmacêutico: 2.300
  16. Alimentador de Linha de Produção: 2.079
  17. Programador de Sistemas de Informação: 1.861
  18. Professor de Disciplinas Pedagógicas no Ensino Médio: 1.810
  19. Fisioterapeuta Geral: 1.786
  20. Técnico de Enfermagem: 1.770

Fonte: G1