Notas

Imprimir    A-    A    A+

Hoje (4/3) a Câmara dos Deputados elegeu os presidentes de 16 das 23 comissões permanentes, dos quais destacamos as comissões por onde tramitarão os projetos de interesse dos trabalhadores e do movimento sindical:

Eleição Comissões CDnovo

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

 

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

 

 

         Será realizada amanhã (5/3) às 9 horas, audiência pública promovida pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) para debater as mudanças promovidas com as Medidas Provisórias 664 e 665/2014 , com as participações dos seguintes convidados: Zenaide Honório, presidente do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos – DIEESE; Carlos Alberto Schimitt de Azevedo, presidente da Confederação Nacional das Profissões Liberais – CNPL; – Celso Napolitano, presidente do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar – DIAP; e Ibaneis Rocha, presidente da Seccional da Ordem dos Advogados do Brasil do Distrito Federal.

Medida Provisória 664, de 2014, traz mudanças nas regras de pensão por morte e de auxílio-doença e Medida Provisória 665, de 2014, impõe restrições ao recebimento dos benefícios do Seguro-Desemprego e Abono Salarial.

 

 

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

 

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

Deputado Benjamin Maranhão filiado ao partido Solidariedade (PB) foi eleito presidente da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público (CTASP) da Câmara dos Deputados, recebendo 17 votos do total de 18 votantes, com apenas um voto em branco.

O parlamentar tem 43 anos de idade, é cirurgião-dentista e exerce seu terceiro mandato na Câmara dos Deputados. Foi prefeito do município de Araruna-PB.

Ao assumir o comando da CTASP afirmou que fará uma gestão participativa, aberto ao diálogo e agilidade nas deliberações dos projetos de interesse dos membros da comissão. Disse que o tema trabalho é o DNA do partido Solidariedade e que não há melhor política social que o emprego e pretende manter um bom diálogo tanto com os trabalhadores, empresários quanto com o governo.

A CNTC parabeniza o novo presidente da CTASP  desejando sucesso no enfrentamento desse grande desafio, e de especial atenção às demandas dos trabalhadores no comércio e serviços do Brasil, na busca por mais justiça, dignidade, qualificação e qualidade de vida para esta  que é a maior categoria profissional do nosso país.

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

 

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

Anunciada hoje (3/3) pelo senador Renan Calheiros, presidente do Congresso Nacional, a devolução a Presidência da República a Medida Provisória 669 de 2015, que aumentava a alíquota da contribuição previdenciária entre outros assuntos, por considerar a medida inconstitucional e promover insegurança jurídica.

Consequência da devolução é que a Medida Provisória deixa de ter validade.

 

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

 

Será instalada brevemente a Comissão Permanente Mista de Combate à Violência contra a Mulher composta por 12 senadores e 31 deputados, com a finalidade de apresentar propostas para aprimoramento da Política Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres, bem como buscar as possíveis falhas nas ações e serviços da Seguridade Social e na prestação de segurança pública e jurídica às mulheres vítimas de violência.

Será convocada reunião para instalação e eleição do presidente e vice assim que as lideranças partidárias indiquem os membros que comporão a comissão.

 

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) apresentou no dia 27/02 o Requerimento 85, de 2015, solicitando o desarquivamento do Projeto de Lei do Senado 87, de 2010, que pretende regulamentar a terceirização no Brasil, e de outras matérias.

O projeto, de autoria do então senador Eduardo Azeredo, foi arquivado devido ao encerramento da 54ª Legislatura (1º de fevereiro de 2011 a 31 de janeiro de 2015) por tramitar há duas legislaturas. Por isso, para que seja desarquivado, é requerida a continuidade de sua tramitação por 1/3 (27 senadores) dos membros da Casa até 60 dias após o início da nova legislatura. Esse requerimento tem de ser aprovado pelo Plenário do Senado.

O requerimento foi assinado por 28 senadores, além do autor Flexa Ribeiro. Agora, aguarda a inclusão na Ordem do Dia do Plenário para votação. Caso aprovado, a matéria voltará a tramitar.

A CNTC continuará lutando contra as medidas de precarização do trabalho e a favor da valorização do trabalhador.

 

Cláudia Almeida – Relações Institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

Publicada a lista de membros que comporão a Comissão Mista de análise à Medida Provisória 665, de 2014, que dificulta o acesso ao seguro desemprego e abono salarial. Agora poderá ser convocada a reunião para instalação da comissão, eleição do presidente e vice, e escolha de relator e relator-revisor.

Segue a composição:

1

 

2

 

 

Cláudia Almeida – Relações Institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

Publicada a lista de membros que comporão a Comissão Mista de análise à Medida Provisória 664, de 2014, que reduz o direito sobre a pensão por morte e auxílio doença. Agora poderá ser convocada a reunião para instalação da comissão, eleição do presidente e vice, e escolha de relator e relator-revisor.

Segue a composição:

3

 

4

 

Cláudia Almeida – Relações Institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

Editada a Medida Provisória 669, de 26 de fevereiro de 2015, para alterar a Lei nº 12.546, de 14 de dezembro de 2011, quanto à contribuição previdenciária sobre a receita bruta; a Lei nº 12.469, de 26 de agosto de 2011, a Lei nº 12.995, de 18 de junho de 2014, e a Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005, quanto à tributação de bebidas frias; e a Lei nº 12.780, de 9 de janeiro de 2013, que dispõe sobre medidas tributárias referentes à realização, no Brasil, dos Jogos Olímpicos de 2016 e dos Jogos Paraolímpicos de 2016.

 A MP revisa as regras da desoneração da folha de pagamento de setores produtivos, altera a legislação tributária incidente sobre bebidas frias e ainda dispõe sobre medidas tributárias referentes à realização dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016 no Rio de Janeiro.

 Pela MP as empresas passarão a recolher 4,5% e 2,5% do faturamento em substituição ao recolhimento sobre a contribuição previdenciária a partir de junho, e não mais 2% e 1% dentro do pacote de desoneração da folha de pagamento.

 Para os partir Jogos Olímpicos ampliam a abrangência da isenção de tributos federais incidentes nas importações de bens, mercadorias ou serviços para uso ou consumo exclusivo em atividades vinculadas ao evento, cuja vigência é a partir de hoje (27/2).

Medida Provisória publicada nesta data (27/2) e o prazo para apresentação de emendas será de seis dias que se seguirem da publicação.

Acesse a íntegra da MP 669 2015.

 

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.

 

 

Até terça-feira será definidas a distribuição das presidências das comissões permanentes da Câmara dos Deputados.

Ontem (25/2) foi aprovada a criação de mais uma comissão permanente denominada Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência. Agora a Câmara têm 23 comissões permanentes para divisão entre as lideranças partidárias e de acordo com cálculos da Secretaria Geral da Mesa a ordem de escolha seguirá a seguinte ordem:

Liderança CD-1

1º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
2º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
3º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
4º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
5º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
6º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
7º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
8º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
9º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
10º) Bloco PSDB,PSB,PPS,PV
11º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
12º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
13º) Bloco PSDB,PSB,PPS,PV
14º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
15º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
16º) Bloco PSDB,PSB,PPS,PV
17º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
18º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
19º) Bloco PSDB,PSB,PPS,PV
20º) Bloco PT,PSD,PR,Pros,PCdoB
21º) PDT
22º) Bloco PMDB,PP,PTB,DEM,PRB,SD,PSC,PHS,PTN,PMN,PRP,PSDC,PEN,PRTB
23º) Bloco PSDB,PSB,PPS,PVA

Comissão mais cobiçada é a de Constituição e Justiça e Cidadania (CCJC) por ter a competência de analisar todas as proposições quanto à constitucionalidade e a admissibilidade, independentemente de seu tema, bem como de apreciar matérias sobre direitos e garantias fundamentais, direito civil, penal entre outros temas.

Em seguida são também objeto de disputa as seguintes comissões:
Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria e Comércio – CDEIC
Comissão de Finanças e Tributação – CFT
Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado – CSPCCO
Comissão de Seguridade Social e Família – CSSF
Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público – CTASP
Comissão de Educação – CE
Comissão de Minas e Energia – CME
Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural – CAPADR
Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional – CREDN
Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável – CMADS

 

Sheila T. C. Barbosa – Relações Institucionais da CNTC

 

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.