Itaú é condenado por não permitir registro de horas extras

Imprimir    A-    A    A+

27/04/2013

…..O Itaú Unibanco foi condenado pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) a pagar R$ 100 mil por não ter permitido que funcionários de uma agência em Bauru, no interior de São Paulo, registrassem horas extras no ponto e por não ter feito o pagamento …

Visite site do Clipping



Notícias