Nova Direção do Sincomerciários Caxias toma posse mirando os novos desafios da Luta Sindical

Imprimir    A-    A    A+

22/11/2022

A nova direção eleita do Sindicomerciários Caxias tomou posse em uma solenidade na noite deste sábado, 19 de novembro, em evento que contou com cerca de 250 pessoas, entre membros categoria, da diretoria, seus familiares, além de lideranças políticas e sindicais. A eleição ocorreu nos dias 25, 26 e 27 de outubro, e a chapa única “Sonhar, Ousar, Conquistar”, liderada pelo atual presidente, Nilvo Riboldi Filho, agora reeleito, recebeu 99,14% dos votos, o que demonstrou o quanto vem sendo bem avaliado pela categoria o trabalho da direção sindical dos comerciários e comerciárias de Caxias do Sul e Região. O mandato, que iniciou neste dia 19, vai até 2026.

REPRESENTATIVIDADE E NOVOS DESAFIOS

A nova direção conta com 60 integrantes, sendo que houve uma renovação de 39%, além de contar com ampliação da presença feminina: 42%. Quanto à representatividade na base, a diretoria conta com presença em todos os setores representados pelo Sindicato, sendo os principais mercados, lojas e farmácias.

Para o presidente reeleito, “entre os principais desafios que temos pela frente estão a luta pela valorização salarial da categoria comerciária e a manutenção e ampliação dos direitos da nossa Convenção Coletiva de Trabalho. O futuro (e o presente) com as novas tecnologias, o advento do e-commerce e os novos conhecimentos necessários à categoria nos colocam diante de mudanças que exigem a qualificação ainda maior do trabalho do Sindicato em sintonia com as transformações do mundo do trabalho, de forma a garantir direitos e oportunidades para os comerciários e comerciárias”.

RENOVAÇÃO EM SINTONIA COM A EXPERIÊNCIA

Em seu discurso de posse, Nilvo também fez questão de agradecer a unidade da direção e a oportunidade de renovação que o Sindicomerciários construiu, ao adotar uma metodologia de promover a juventude a assumir os postos de direção na entidade.

“Um agradecimento especial à confiança que foi depositada em mim. Acho que sou fruto de uma visão sindical avançada, classista, que combina continuidade com experiência e renovação”, disse, ao homenagear os ex-presidentes que fazem parte da direção e dão segurança e apoio ao trabalho sindical, como Guiomar Vidor, Paulo Pacheco, Ivanir Perrone e Silvio Frasson.

Ao citar os desafios que enfrentou no seu primeiro mandato à frente da entidade, disse que “nesses últimos 4 anos aprendi muito com todos e todas vocês. Enfrentamos enormes desafios: o pior governo que esse país já viu, o fascismo, os ataques e a destruição dos direitos trabalhistas; enfrentamos uma pandemia que tirou a vida de mais de 700 mil brasileiros e brasileiras. Mas, aqui em Caxias, o Sindicomerciários seguiu unido e resistente em defesa da categoria. Com muita luta, não perdemos direitos da nossa Convenção Coletiva e conseguimos manter um padrão de reajustes nos salários com o INPC e algum ganho real nos pisos e salários de alguns segmentos”.

PRESTÍGIO

A posse da nova direção do Sindicomerciários Caxias contou com as presenças de dezenas de sindicatos parceiros na região e no estado do RS. Após ser empossada a nova direção pela Junta Eleitoral, houve um ato político de posse que contou com falas do reprentante do Prefeito de Caxias do Sul, o diretor da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Silvio Tieppo; o vereador Renato Oliveira (PCdoB) representando a Câmara de Vereadores; Guiomar Vidor, presidente da Fecosul e da CTB/RS e representante da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio (CNTC); Rodrigo Callais, representando a CTB do RS; Ivanir Perrone, representando a luta das mulheres e a CTB Serra; Assis Melo, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos que representou o movimento sindical; e José Divanilton Pereira da Silva, do Sindicato dos Petroleiros e Petroleiras do Rio Grande do Norte que representou a CTB nacional.

Tieppo, ao cumprimentar a diretoria eleita, citou a relevância do Sindicomerciários para a cidade e a região e a importância do segmento para a economia. Já o vereador Renato Oliveira fez questão de falar sobre a solidariedade de classe, com a presença constante da entidade junto às lutas dos demais trabalhadores em Caxias de região. Renato também lembrou que o Sindicato completou 90 anos em 2022, fato que foi registrado em sessão no parlamento caxiense, além de exposição histórica.

O presidente da Fecosul e da CTB RS, Guiomar Vidor, lembrou da trajetória de lutas do Sindicato e da sua importância para o segmento no Rio Grande do Sul. “O Sindicomerciários Caxias é hoje uma das mais importantes entidades que compõem a luta da categoria comerciária no RS”, disse. Vidor lembrou que em 2023 fará 40 anos da retomada do Sindicato para uma direção combativa e classista, linha que a entidade segue até hoje.

Assis Melo, experiente dirigente sindical, dirigiu-se aos novos diretores eleitos ao citar a relevância do trabalho de base, da conexão da direção sindical com os trabalhadores e as trabalhadoras nos seus locais de trabalho.

Ivanir Perrone enalteceu a defesa das mulheres que o Sindicomerciários Caxias vem fazendo ao longo dos anos. “Temos muita presença na luta das mulheres por mais igualdade e, na nossa Convenção Coletiva, direitos como o auxílio-creche e a licença maternidade são sempre prioridade pela sua manutenção e ampliação”, registrou.

NOVOS DESAFIOS

O representante da CTB nacional, José Divanilton Pereira da Silva, destacou o quanto é importante e modelar para o movimento sindical do país a política de renovação de lideranças promovida pelo Sindicomerciários de Caxias.

Divanilton também acentuou que a eleição de Lula para presidência, além de haver demarcado uma grande vitória sobre o fascismo no Brasil, traz novos e grande desafios para a classe trabalhadora. Segundo ele, é preciso muita luta para recuperar direitos, gerar empregos e um novo rumo de desenvolvimento com valorização do trabalho para o país e, isto passa, pela qualificação do movimento sindical.

Nilvo Riboldi citou que, após a vitória de Lula, “abrem-se novos e grandes desafios, que coincidem com o mandato dessa nova diretoria. No plano da luta geral, temos de seguir unidos e mobilizados em defesa da democracia, da nação e de um projeto nacional de desenvolvimento que consiga recolocar o nosso brasil no patamar que sempre deveria estar, somos um país rico, com um povo trabalhador e criativo, que merece um futuro melhor! No plano da luta da categoria comerciária, temos de estar cada vez mais conectados, cada vez mais presentes no dia a dia, nos locais de trabalho, nas redes, por isso é tão importante uma diretoria atuante, organizada, unida, com trabalho de base”, afirmou.

TRABALHO SINDICAL RENOVADO

No final do seu discurso Nilvo disse que “vamos seguir investindo em assistência, no lazer, no esporte; e vamos investir mais em formação, seja a formação política da nossa direção e da categoria, seja em programas de formação e qualificação profissional; e vamos seguir investindo em comunicação e em conhecimento!”

E completou: “o que nos move para enfrentar os novos desafios é a nossa visão de sociedade, que é socialista! É a nossa unidade, a nossa disposição de luta, é saber que a gente pode contar uns com os outros, é a esperança que a gente carrega. A nossa nova diretoria cresceu em representação feminina, em diversidade e em presença da juventude. Aliás, ela tem a cara da juventude. E o meu vice, o Bruno Andreis, representa muito isso! é a expressão na prática da renovação combinada com experiência de que tanto falamos. Quero dizer a vocês da nossa nova diretoria, aos nossos funcionários e funcionárias, aos nossos parceiros de luta: temos muito trabalho pela frente; podem contar com a gente! nosso compromisso é sonhar, ousar e lutar!”.

O Sindicomerciários Caxias completou 90 Anos em 2022. É hoje, umas das mais respeitadas entidades sindicais de Caxias do Sul, do Rio Grande do Sul e do Brasil.

Representa cerca de 20 mil comerciárias e comerciários em sua base territorial que é regional, abrangendo os municípios de Caxias do Sul, Nova Pádua, São Marcos e Flores da Cunha. É filiado à CNTC, Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio; à Fecosul, Federação dos Comerciários e Comerciárias do RS; e à CTB, Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil.

VEJA AQUI A NOMINATA DA NOVA DIREÇÃO

Fontes: sindicomerciarios.com



Notícias