Sindicalistas protestam no Rio contra projeto que regulamenta trabalho terceirizado

Imprimir    A-    A    A+

08/08/2013

Cerca de 150 sindicalistas protestam nesta terça-feira (6) contra a aprovação do projeto de lei 4330, que regulamenta a trabalho terceirizado.

O movimento ocorre em frente à sede da Firjan (Federação das Indústrias do Rio de Janeiro), no Rio. Há representantes de diversas centrais sindicais, como CUT, Força Sindical, UGT e Nova Central Sindical.

“Estamos aqui em defesa dos trabalhadores. Não podemos deixar que seja aprovado um projeto que irá causar a precarização das condições de trabalho”, afirmou Cláudio Rocha, da UGT.

Luiz Edmundo, representante da Nova Central Sindical, também é contrário ao projeto. “Estamos lutando pelo o que temos direito”, disse.

Em cima de um carro de som, sindicalistas ameaçam convocar uma greve geral no próximo dia 30, caso o projeto avance.

Outras reivindicações durante a manifestação de hoje são o fim do fator previdenciário e a redução das jornadas de trabalho sem perdas salariais.

Eles também escreveram no asfalto: “Fora [Sérgio] Cabral”, em referência ao governador do Estado. Além disso, há faixas contra a realização de leilões de áreas para exploração de petróleo: “Leilão é privatização”, diz uma das faixas.

Fonte: Folha de S. Paulo



Notícias