Imprimir    A-    A    A+

Com o fim das Eleições 2016 neste domingo (30), mais 6 deputados federais, entre os 14 que haviam seguido para a disputa do segundo turno nas eleições para o Executivo municipal, foram eleitos prefeitos.

2-turno

 

  • Anderson Ferreira (PR-PE), para prefeito de Jaboatão dos Guararapes (PE): está em seu segundo mandato como deputado federal e foi o autor do projeto que deu origem ao Estatuto da Família.
  • Duarte Nogueira (PSDB-SP), para prefeito de Ribeirão Preto (SP): foi deputado estadual por três mandatos e atua na Câmara dos Deputados desde 2007. Assumiu a Secretaria de Habitação do Estado de São Paulo entre 1995 e 1996; a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo de 2003 a 2006; e a Secretaria de Logística e Transportes do Estado de São Paulo.
  • Luiz Carlos Busato (PTB-RS), para prefeito de Canoas (RS): atualmente em seu terceiro mandato como deputado federal, Busato atuou anteriormente em prol de Canoas: como funcionário concursado da Prefeitura do município durante 10 anos, como secretário do Planejamento Urbano de Canoas por duas vezes e como Vereador de Canoas.
  • Max Filho (PSDB-ES), para prefeito de Vila Velha (ES): além de ter sido vereador de Vila Velha e deputado estadual, foi prefeito da capital capixaba entre 2001 e 2009 e responsável pela expressiva melhoria dos índices de educação e segurança no município.
  • Nelson Marquezan Junior (PSDB-RS), para prefeito de Porto Alegre (RS): está em seu segundo mandato como deputado federal e foi um dos autores do projeto que criou o “vale-cultura” ao trabalhador. Também atuou como deputado estadual e foi como diretor de Desenvolvimento, Agronegócios e Governos do Banco do Estado do Rio Grande do Sul (Banrisul).
  • Washington Reis (PMDB-RJ), para prefeito de Duque de Caxias (RJ): foi vereador e prefeito de Duque de Caxias, deputado estadual e subsecretário Estadual de Obras Metropolitanas do Rio de Janeiro. Em 2010 foi eleito deputado federal, cargo para o qual foi reconduzido em 2014, e agora retornará à Prefeitura de Duque de Caxias.

Todos os 16 deputados federais eleitos prefeitos nessas Eleições, em 1º e 2º turno, deverão renunciar aos mandatos no Legislativo para assumirem as prefeituras em janeiro de 2017. Com isso, a composição das bancadas estaduais na Câmara dos Deputados sofrerá mudanças, devido à chegada de suplentes.

Relembre quais deputados foram eleitos em 1º turno.

 

Letícia Goedert – Relações institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste conteúdo, desde que citada a fonte.



Notícias