O PL da terceirização está pronto para votação em Plenário da Câmara

Imprimir    A-    A    A+

16/10/2013

O prazo de cinco sessões do plenário da Câmara determinado pelo presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN) expirou e a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania não votou o PL 4.330/04, que pretende expandir a terceirização no País. Logo, o projeto será votado em plenário.



Notícias