Imprimir    A-    A    A+

 

Na Câmara dos Deputados, a Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher (CMULHER), aprovou na última 3ª feira (22/06) o requerimento 9/2016, de autoria da deputada Tia Eron (PRB-BA), que solicita a realização de audiência pública em conjunto com a Comissão de Seguridade Social e Família (CSSF) destinada a debater o aumento da licença paternidade como estratégia para o desenvolvimento integral na primeira infância.

Constam entre os convidados:

  • Paula Pereda, professora da faculdade de economia da Universidade de São Paulo;
  • Tomas Agnemo, representante da ONG Men Engage; e
  • Representantes das seguintes entidades e organizações: Empresa Cidadã; Coordenação de Saúde do Homem do Ministério da Saúde; Instituto Promundo.

A audiência foi agendada para o dia 6/7.

Também foi aprovado o requerimento 17/2016, novamente da deputada Tia Eron, que solicitou a inclusão de convidados em audiência pública destinada que debaterá o significado da palavra gênero e a estigmatização do termo.

Para esta audiência serão convidados:

  • Drª Andréa Barcelos, Juíza da 2ª Vara da Família, Divinópolis (MG);
  • Fernanda Takitani, Professora de História e Pesquisadora do Observatório de Biopolítica;
  • Debora Diniz, do Instituto de Bioética (Anis);
  • Guacira de Oliveira, da CFemea; e
  • Nadine Gasman, da ONU Mulher.

É previsto que esta audiência ocorrerá no dia 13/07.

 

Victor Velu Fonseca Zaiden Soares – Relações Institucionais da CNTC

É permitida a reprodução deste conteúdo, desde que citada a fonte.



Notícias