Imprimir    A-    A    A+

Na madrugada desta quarta-feira (23), o Plenário do Congresso Nacional manteve o veto da presidente da República sobre o projeto que acaba com o fator previdenciário e estabeleceu a regra 85/95 para a aposentadoria.

O resultado se deu pela desistência do PT em apresentar destaque para votação em conjunto, uma vez que, segundo o deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), houve acordo com o governo para ser votado hoje o relatório apresentado pelo deputado Afonso Florence (PT-BA), sobre a MP 676, a qual estende por mais quatro anos o período de transição da regra 85/95 para atingir 90/100. Essa modificação tem por justificativa do governo evitar prejuízos ao caixa da Previdência Social a médio e longo prazo.

Ainda serão apreciados outros vetos e dentre eles o sobre a MP 672/2015, que traz aumento para os aposentados pelo mesmo índice de correção do salário mínimo.

Tamiris Clóvis de Almeida – Relações Institucionais da CNTC.

É permitida a reprodução deste material, desde que citada a fonte.



Notícias