Comerciários são homenageados na Câmara dos Deputados

Imprimir    A-    A    A+

30/10/2013

Por requerimento do deputado Roberto Santiago, a Câmara prestou homenagem aos trabalhadores do comércio brasileiro neste dia 30 de outubro, em que se comemora oficialmente o Dia do Comerciário. A sessão solene contou com a presença de mais de 250 pessoas que ouviram o clamor dos deputados que apoiam as causas dos trabalhadores e as denúncias de exploração e injustiças cometidas contra os comerciários, a maior e uma das mais antigas categorias profissionais do país.

A sessão foi aberta pelo segundo secretário da mesa diretora da Câmara, deputado federal Simão Sessim (PP/RJ), representando o presidente da casa Henrique Eduardo Alves (PMDB/RN), que depois passou a presidência da mesa ao deputado Santiago.

O deputado Roberto Santiago, que recentemente lançou a Frente Parlamentar Mista em Defesa dos Comerciários, lembrou os grandes desafios que o parlamento terá que enfrentar, ao lado da representação sindical, para reverter injustiças e garantir direitos legítimos da classe comerciária, que é formada por mais de 12 milhões de trabalhadores. Neste sentido, enalteceu o trabalho que vem sendo desenvolvido pela Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio (CNTC) na gestão de Levi Fernandes Pinto.

“A CNTC, com certeza absoluta, está dando uma nova cara à representatividade dos comerciários brasileiros, provocando os grandes debates não só no Congresso, mas em todo o país, por meio de seu sistema formado por mais de 800 sindicatos e 27 federações filiadas. A transformação e modernização da CNTC vai se refletir no dia a dia de cada comerciário, a cada conquista que construirmos juntos na história da Frente Parlamentar em Defesa da categoria”, enfatizou Santiago.

A mesa foi composta, além do presidente Santiago, pelo deputado federal Dr. Grilo (SDD/MG), pelo presidente da CNTC, Levi Fernandes Pinto, pelo secretário geral da União Geral dos Trabalhadores (UGT), Luiz Gonzaga do Nascimento, pelo vice-presidente da CNC, deputado Laércio Oliveira (SDD/SE), pelo presidente da Força Sindical e do partido Solidariedade, deputado Paulinho (SDD/SP), e pela diretora da CNTC, Bernadete Lieuthier, representando as mulheres comerciárias e as sindicalistas do país.

Aproveitando a ocasião festiva, o presidente da CNTC entregou ao deputado Santiago uma placa em agradecimento a quem intitula “amigo dos comerciários”, pelo seu empenho na defesa das causas da categoria.

Apesar da comemoração das vitórias obtidas em 2013 com a regulamentação da categoria e a criação da Frente Parlamentar, os depoentes da sessão não deixaram de levantar os graves problemas enfrentados pelos comerciários em seu dia a dia, como a excessiva jornada de trabalho, o banco de horas, o trabalho aos domingos, o acúmulo de funções, o fator previdenciário, isso sem falar nos milhares de trabalhadores sem carteira assinada ou submetidos a condições precárias por todo o país.

“O Brasil tem que se desenvolver e crescer, mas a riqueza gerada pelo comércio; pelos braços dos comerciários, tem que ser repartida com esses trabalhadores numa parceria onde todos ganham, e não só quem tem o capital”, destacou Roberto Santiago ao lembrar que a Frente Parlamentar está avançando para colocar o comerciário e sua representação sindical no debate dentro do poder, e não mais só do lado de fora, com carros de som e faixas, sem serem ouvidos.

“É um novo sindicalismo, que agora tem voz dentro do poder, e isso chegará em todas as instâncias com a descentralização das ações da Frente Parlamentar em Defesa dos Comerciários”, conclui Santiago.

Clique aqui e confira mais imagens da sessão.

Fonte: CNTC



Notícias